Egito

Foi nos livros escolares e literaturas infantis que a grande maioria das pessoas conheceu as pirâmides do Egito e o rio Nilo pela primeira vez. Por mais familiar que esse conjunto arqueológico seja para nosso imaginário, é inevitável não se impressionar com a grandiosidade desse legado. A cidade do Cairo é a porta de entrada no país. O trânsito complicado é uma de suas características típicas, o que lhe confere até uma certa graciosidade! Um dos mais importantes museus do mundo, o Museu do Cairo, está ali repleto de múmias, sarcófagos, esculturas e outras preciosidades da antiguidade. Próximo ao centro da cidade está o platô de Gizé, com as pirâmides de Quéops, Quéfren e Miquerinos e a célebre esfinge. Descendo o rio Nilo está Edfu e o magnífico templo de Hórus, o mais bem preservado do Egito Antigo, Kom Ombo e a espetacular Luxor, onde estão os complexos religiosos de Karnak e o Vale dos Reis, onde estão as tumbas de faraós como Ramsés II e Tutâncamon. Além da cidade do Cairo e seus arredores, Aswan e Alexandria são as outras referências imperdiveis nas incursões pelo Egito. Além delas, o Mar Vermelho é um dos melhores pontos de mergulho do planeta, uma atividade improvável e diferente depois de passar por tantas paisagens áridas.