Marrocos

Algumas coisas nunca mudam e sem dúvidas o Marrocos é um lugares que celebra essa máxima. Nem a proximidade com a Europa, as décadas de convívio com ocidentais e a hospitalidade com turistas foram capazes de apagar deste país algo que lhe é particular. Da capital Rabat à emblemática Casablanca, em cada medina, um retorno no tempo como se estivéssemos há séculos da contemporaneidade ocidental. A essência marroquina transparece em cada banquinha nos souks, nos tradicionais mercados locais, em cada chá de menta ou no famoso tajine, típico preparo de carne local. Curiosamente, algumas coisas no Marrocos podem causar certo estranhamento: a efervescência, a gana por barganhar e o espírito beduíno constituído em cada um. Mas, por outro lado, tudo exerce um aconchego. A vibração intensa de Marrakesh e de sua quase mítica Praça Djemaa el-Fna se contrapõe à paz penetrante dos Atlas, a imensa cadeia de montanhas que é a porta de entrada para a imensidão do Deserto do Saara.

Highlights

A efervescência das cidades de Fez, Rabat, Marrakesh e Casablanca, suas medinas e souks

Kasbah de Ait Benhaddou, cenário de alguns clássicos do cinema

Chefchaouen, a cidade onde casas, vielas e ruas são totalmente pintadas de azul

Mesquita Hassan II em Casablanca, uma das maiores e mais belas do mundo

Hospedar-se nos charmosos Riads, típicas hospedarias marroquinas