México - Das culturas ancestrais indígenas à colonização espanhola

Com Luiz Estevam de Oliveira Fernandes19 a 29/11 de 2018
Viagem Cultural

Há um ditado corrente entre os receptivos e alegres mexicanos: No México mágico, tudo é possível. O país é pleno de magia pois entrelaça imaginários e histórias. Ali, uma pujante herança indígena segue viva, irmanada de uma profunda religiosidade católica, que cruzou o Atlântico no século XVI e deitou profundas raízes naquele solo. O culto a Guadalupe, a virgem morena, padroeira da nação e das Américas, se alimenta da farta e colorida mesa servida aos que já se foram na festa do Dia dos Mortos. Entre ruínas, museus e joias do Barroco, a modernidade de um México que torna tudo possível, mesmo um aparente paradoxo: visitá-lo é, num só tempo, mergulhar numa radical experiência por um mundo diferente e sentir-se estranhamente acolhido no conforto do familiar. Dos antigos maias, astecas e zapotecas, ao muralismo e o gênio de Frida e Tamayo, da poesia de Sor Juana a de Octavio Paz, do milho ao arranha-céu, tudo é infinda possibilidade, tudo é mágica.

Quem acompanha

Luiz Estevam de Oliveira Fernandes

Luiz Estevam de Oliveira Fernandes |

Historiador formado pela Unicamp e professor adjunto de História das Américas e História Cultural na Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Tem pós-doutorado pela University of Texas (Austin) e é autor de inúmeros artigos em temas como ensino, história, religiosidade, identidade e alteridade, entre outros, bem como de livros de divulgação, acadêmicos e didáticos. Publicou […]

Saíba mais
Baixe o Roteiro Detalhado

Cadastre-se

Para receber nossas newsletters