Especialistas

Nos projetos da Latitudes, os especialistas tem um papel fundamental. São pessoas que dominam determinadas áreas do conhecimento e que possuem alta capacidade comunicativa para compartilhar o seu saber. Conheça abaixo os nomes que tornam os nossos projetos ainda mais especiais.

Adriano Gambarini

| | | | |

Adriano Gambarini é fotógrafo profissional desde 1992, escritor e editor. Notabilizou-se como um fotógrafo engajado em documentações sistemáticas de longo prazo em projetos conservacionistas e etnográficos. Autor fotográfico de 14 livros, assina os textos de Cavernas no Brasil, A Origem do Homem e seus Deuses, CambojaVelho Chico,o RioCavernas no Brasil e Histórias de um Lobo foram finalistas do Prêmio Jabuti 2012 e 2013, o mais conceituado Prêmio de Literatura no Brasil. Documenta Projetos Conservacionistas e Expedições Científicas de ONGs como Word Wild Foundation (WWF), Conservation International (CI), The Nature Conservancy (TNC) e Instituto Terra Brasilis. No campo etnográfico, documenta povos indígenas na Amazonia e Mato Grosso, para Planos de Gestão de Terras Indígenas. Trabalhou como fotógrafo still de cinema para documentário na Discovery Channel no Brasil, França e Rússia, realizou coberturas jornalísticas na Tailândia, Camboja, Laos, China e Quirguistão. Colunista do site ambiental OECO e Conexão Planeta, escreve blogs em tempo real durante suas expedições, permitindo a divulgação direta dos trabalhos e descobertas científicas e antropológicas. Fotógrafo permanente da National Geographic Brasil desde 2000, já colaborou para as principais revistas do país e internacionais, além de publicações técnicas. Possui um dos mais diversificados fotoarquivos do mercado, com mais de 240 mil imagens do Brasil, Antártida e 28 países. Formado em Geologia pela Universidade de São Paulo, é espeleólogo e mergulhador desde 1988. Trabalha como editor de arte e fotografia em livros e exposições fotográficas, ministra workshops e encontros fotográficos em viagens pelo Brasil e exterior. Duas vezes palestrantes do TEDx, é frequentemente convidado a ministrar palestras sobre fotografia como forma de comunicação e interpretação das relações humanas com o ambiente. Foi produtor e roteirista da Série Histórias de um Fotógrafo, na Flix Channel da Rede Cinemark de cinema.

Agnaldo Farias

| |

Professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP. Foi curador do MAM-RJ (1998/2000), curador adjunto da 23ª Bienal de São Paulo (1996), da 1ª Bienal de Johannesburgo (1995) e curador da representação brasileira da 25ª Bienal de São Paulo (2002). Atualmente, é consultor de curadoria do Instituto Tomie Ohtake. Publicou As Naturezas do Artifício - Amélia Toledo (Editora W11, 2004), Daniel Senise -The piano factory (Andréa Jacobsen, 2003) e Arte brasileira hoje (Publifolha, 2002), entre outros livros.

Agnaldo Gomes

Agnaldo Gomes é geógrafo pela PUC - SP. É guia de montanha há 15 anos e pratica esportes outdoor há 25. Tem em seu currículo expedições em alta montanha, travessias de bicicleta e caiaque oceânico. Em 1990 fez sua primeira expedição em altitude, no Aconcágua, na Argentina. Realizou cursos de escalada em rocha, gelo e primeiro socorros. Participou e liderou expedições nas montanhas mais altas de vários países, entre elas o Aconcágua, na Argentina, Huascaran e Pisco, no Peru, Cotopaxi, Illiniza e Chimborazo, no Equador, Huyana Potosi, Pequeno Alpamayo, Illimani e Sajama, na Bolívia, Elbrus, na Rússia, Kilimanjaro, na Tanzânia e o Island Peak, no Nepal. Em setembro de 2013 participou de uma expedição ao Cho Oyu, a sexta mais alta montanha do planeta, com 8201 metros, localizado na fronteira do Nepal com o Tibete. Alcançou e se tornou um dos poucos alpinistas brasileiros a ter escalado uma montanha com mais de 8000 metros. Atualmente divide seu trabalho administrando sua empresa com sua paixão pelas montanhas trabalhando como guia para a Morgado Expedições.

Amâncio Friaça

| | |

Astrofísico, professor livre-docente do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP, pesquisador nas áreas de Evolução de Galáxias, Cosmologia e Astrobiologia. Organizador de várias reuniões científicas relacionadas à Astrobiologia, entre elas, o First Brazilian Workshop on Astrobiology (Rio de Janeiro, 2006), a 15a IAG/USP Advanced School on Astrophysics – From Galaxy to Life (Campos do Jordão, 2010) e a São Paulo Advanced School of Astrobiology (São Paulo, 2011).

Anfitrião Latitudes

O Anfitrião Latitudes, com boa experiência no acompanhamento de grupos em viagem, promove a interação entre os passageiros e atende às suas demandas. Atua sempre de maneira a integrar: passageiros, operador local e a Latitudes além de promover a realização e o sucesso das viagens de conhecimento.

Ângela Sundari

|

Ângela Sundari é yoginī por nascimento e vocação. Pratica Yoga e estuda Vedānta há perto de 20 anos. Ela e Pedro viajam juntos, de sete a oito meses por ano, pela Índia e o Oriente, onde o casal estuda, pratica, pesquisa, surfa e aperfeiçoa seus conhecimentos. Ângela compartilha com os grupos os segredos que aprendeu na estrada e coordena as atividades de Yoga de nossas viagens.

Carlos Cabral

| | |

Estudioso da área há mais de 40 anos e apaixonado por vinhos, é um dos grandes nomes da Enologia brasileira. Escritor, palestrante, articulista e consultor, é fundador e idealizador da Sociedade Brasileira dos Amigos do Vinho, além de outras sociedades e confrarias no exterior. Realizou mais de 60 viagens pelas regiões vinícolas do mundo e conhece pessoalmente os principais produtores de vinho de Portugal e do Brasil. Autor de diversas obras, entre elas Presença do Vinho no Brasil: um pouco de História (Ed. de Cultura, 2004).

Claudia Calirman

|

Cláudia Calirman leciona História da Arte no MoMA e na Parsons School for Design e desenvolve visitas guiadas em museus e galerias de arte em Nova York. É doutora em História da Arte pela City University of New York especializando-se em arte moderna, contemporânea e latino-americana. É associada ao Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), Museu Metropolitan e ao Museu Guggenheim e colabora com as revistas de arte Art Nexus e Art in America. Atua como palestrante na Christie’s Education, New York University, El Museo del Barrio, entre outras importantes instituições.

Cristina Rodrigues Franciscato

| |

Jornalista, com mestrado, doutorado e pós-doutorado em Literatura Grega Antiga pela FFLCH-USP. Tradutora da tragédia Héracles de Eurípides (Palas Athena, 2003); coautora dos livros: Estudos Sobre o Teatro Antigo (Alameda, 2010) e A Representação dos Deuses e do Sagrado no Teatro Greco-Latino (Humanitas, 2013). Membro Pesquisador do grupo “Estudos sobre Teatro Antigo” (USP/ CNPQ). Membro da SBEC - Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos.

Dante Gallian

| | |

Doutor em História Social pela USP e pós-doutorado pela École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris, França (2007). Atualmente é docente do Centro de História e Filosofia das Ciências da Saúde (CeHFi) da UNIFESP-SP e participa como professor-orientador dos Programas de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da UNIFESP e Saúde Coletiva do Departamento de Medicina da UNIFESP. É diretor do Centro de História e Filosofia das Ciências da Saúde da Escola Paulista de Medicina/UNIFESP e coordenador do Laboratório de Humanidades (LabHum) da mesma universidade.

Denise Gadelha

| |

Mestre em Poéticas Visuais pelo Programa de Pós Graduação em Artes Visuais da UFRGS. Em 2012 cursou o programa intensivo de Art and Business no Sotheby’s Institute of Art em Londres. Atua como artista, professora e curadora. Sua exposição individual mais recente, DúO, fez parte da programação da II Bienal de Fotografía de Lima em 2014. Nesta mesma Bienal, foi co-curadora da exposição Brasil: voces en la multidud, Assef, De Andrade e Morais, que ocupou a Sala Inca Garcilaso, em Lima, Peru. Ainda em 2014 curou a exposição Vertigo realizada na SIM Galeria em Curitiba, a individual A Falta que nos constitui, de Nati Canto, na Zipper Galeria, em São Paulo, e a mostra Desconstrução da Paisagem do artista espanhol Isidro Blasco no MuMA (Museu Metropolitano de Arte de Curitiba).

Emilio Moufarrige

|

Formado em arquitetura e pós–graduado em Gestão do Conhecimento e Capital Intelectual, voltou–se para a Filosofia a partir de 1975. Foi professor na Faculdade de Arquitetura da Universidade Mackenzie e, desde então, dedica–se a estudos humanísticos. Ministra aulas, seminários e palestras nas áreas de Filosofia, História, Religiões e Mitos, tanto do Oriente como do Ocidente. Atua como consultor na Latitudes, onde desenvolve projetos de viagens e ações culturais. Há anos tem acompanhado grupos de viagens pelo Sudeste Asiático, China, Turquia, Uzbequistão, Irã, Marrocos, Israel, Jordânia e Egito.

Equipe Niède Guidon

| |

Há anos à frente do Parque Nacional da Serra da Capivara, a renomada arqueóloga capacitou alguns profissionais para realizarem o trabalho de campo e continuarem com o desenvolvimento das pesquisas na Serra da Capivara. Formada por pessoas da comunidade local, monitores especializados, técnicos, arqueólogos e historiadores das mais conceituadas universidades européias e brasileiras, a equipe que atualmente trabalha na Serra da Capivara nos guiará pelos mais variados tipos de pinturas rupestres e sítios arqueológicos, onde poderemos observar o trabalho de escavação e todo o processo envolvido nas pesquisas.

Érico HIller

| | |

Fotógrafo documental independente desde 2003. Formado em Comunicação Social e Pós Graduado e Fotografia, Érico viajou por todos os continentes na última década em busca de histórias com temática humanitária e ambiental. Sua trajetória resultou em diversos projetos fotográficos que se transformaram em livros e exposições, como Emergentes (2008), Ameaçados (2011) e Tênue Linha (2013). O projeto A Jornada do Rinoceronte é o resultado de um imenso esforço que o fotógrafo empreendeu ao longo de dois anos, fotografando entre Ásia e África, em oito países. Publicado em 2016, o livro é o fruto de suas anotações de viagens, entrevistas e pesquisas. Colaborador de publicações como National Geographic Brasil, Rolling Stone e Marie Claire, atualmente mantém um escritório de projetos documentais, onde vende seus livros e fotografias, ministra workshops, palestras e presta serviços para o mercado editorial, empresas e ONGs. Para conhecer mais o trabalho do fotógrafo acesse www.ericohiller.com.br.

Fábio Faisal

| |

Colecionador de arte há 21 anos e palestrante de arte contemporânea nas feiras de Madrid (ARCO), Paris (FIAC) e de SP (SP ARTE). É médico graduado pela Universidade de Paris IV, pós-graduado pela Universidade da Califórnia em San Francisco (UCSF), membro do Colégio Brasileiro de Radiologia e graduando em física pela UNESP.

Fabio Simone Murgia

| |

Nascido na Sardenha, é designer por formação, sommelier e ciclista por paixão. Descendente de uma família de produtores de vinho e azeite, trouxe ao Brasil os seus conhecimentos na área de enogastronomia e desde 2009 atua como importador de produtos italianos. Atleta por diversos anos em competições multi-sport, encontrou nas viagens de bicicleta uma forma diferente de mostrar toda a riqueza cultural de seu país e de admirar a beleza de suas paisagens sob um ponto de vista diferente, dentro de um ritmo mais tranquilo, mais próximo à natureza e às pessoas.

Felipe Bianchi

| |

Felipe Bianchi é ciclista e cozinheiro, trabalha como personal chef e consultor para novos negócios relacionados à gastronomia e bicicletas. Filho de imigrantes italianos, é formado em Administração e Economia pela Universidade IBMEC. Após trabalhar por 8 anos em uma empresa multinacional especializada em catering mudou-se para Itália, onde se especializou na culinária mediterrânea e tornou-se cozinheiro profissional no Instituto Culinário Italiano para Estrangeiros (ICIF). Durante sua trajetória participou de vários projetos do mercado de alimentação e serviços, participou de eventos do Comitê Olímpico, FIFA, Cirque du Soleil, Fiera Milano e desfiles de moda, além de jantares e festas temáticas em diversos lugares pelo mundo. Durante a viagem Felipe será nosso guia além de apresentar a gastronomia local em visitas e degustações que serão realizadas nos produtores e fornecedores locais.

Flavio Vassoler

| |

Escritor e professor universitário, é doutor em Teoria Literária e Literatura Comparada pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, com estágio doutoral junto à Northwestern University, em Chicago. É autor de “Tiro de Misericórdia” (nVersos, 2014) e “O Evangelho segundo Talião” (nVersos, 2013) e organizador de “Dostoiévski e Bergman: O niilismo da modernidade” (Intermeios, 2012). Periodicamente, atualiza o Portal Heráclito, página em que posta fragmentos de seus trabalhos literários, os programas do Espaço Heráclito e fotonarrativas de suas viagens pelo mundo.

Guia Latitudes

Pertencente ao staff da Latitudes, a presença desse profissional visa promover a interação dos passageiros com os locais visitados. Além de conhecer o destino visitado, sua participação agrega um valor inestimável à viagem, pois ele atende às demandas do grupo em suas necessidades e atua de maneira integrada com o operador local e a Latitudes, promovendo a completa realização de uma viagem de conhecimento.

 

Guia local

A Latitudes trabalha com os melhores guias locais de cada destino, selecionados cuidadosamente para acompanhar nossos grupos.

Guia Morgado Expedições

|

Liderados pelo especialista Manoel Morgado, os guias Morgado Expedições são experientes e altamente treinados.

Hélio Dias Ferreira

| |

Doutor em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense (UFF), com parte dos estudos realizados na Université Sorbonne em Paris, 3. Mestre em História da Arte e artista plástico formado pela Escola de Belas Artes da UFRJ. É autor do livro Ivan Serpa: o “expressionista concreto” (EDUFF) e professor adjunto na Escola de Teatro da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO).

Heni Ozi Cukier

| |

Cientista político, consultor e empresário. Formado em Filosofia e Ciências Políticas nos EUA, é Mestre em Desenvolvimento Internacional pela Paz e Resolução de Conflitos pela American University, em Washington DC. Professor de Relações Internacionais na ESPM (SP) e do curso de MBA de Relações Internacionais da Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP). Nos EUA, trabalhou no Conselho de Segurança da ONU, na Organização dos Estados Americanos (OEA) e outras organizações americanas.  É fundador do Insight Geopolítico, consultoria de risco político internacional e autor do blog Risco Político Global, do portal da Revista Exame.

Irineu Franco Perpétuo

| | |

Jornalista, colaborador da revista Concerto, da Folha de S. Paulo, jurado do programa Prelúdio, da TV Cultura e palestrante na Sociedade de Cultura Artística. Co-autor de Populares & Eruditos (Invenção, 2001), autor de Cyro Pereira – Maestro (DBA, 2005) e dos audiolivros História da Música Clássica (Livro Falante, 2008), Alma Brasileira: A Trajetória de Villa-Lobos (Livro Falante, 2011) e Chopin: O Poeta do Piano (Livro Falante, 2012). Publicou a tradução direta do russo de Pequenas Tragédias (Ed. Globo, 2006) e Boris Godunov (Ed. Globo, 2007), de A. S. Púchkin e traduziu, do russo, Memórias de Um Caçador (Editora 34), de Ivan Turguêniev, Vida e Destino (Alfaguara, 2014) e A Estrada (Alfaguara, 2015), de Vassili Grossman.

Isabella Magalhães Callia

| |

Italianista, especialista em História e Cultura da Alimentação, docente e pesquisadora das práticas alimentares do Mediterrâneo. Suas pesquisas atuais tratam principalmente do vínculo entre comensalidade e noção de identidade. Mestranda em Língua, Literatura e Cultura Ita-lianas, pela Letras FFLCH/USP. Ministrou entre 2015 e 2016 os cursos “Arte e cultura na Roma Imperial”, “Rotas comerciais e tabus alimentares do Mediterrâneo” e “Arte do Bem Viver no mundo Antigo: Erotismo, Estética e Comensalidade”, no Centro Universitário Maria Antonia/USP, “O complexo ato de comer na atualidade”, no SESC Centro de Pesquisa e Formação, e “A Comida na Arte: Homero, Soso de Pergamo, Bruegel e Fellini”, no Museu de Arte Sacra.

Jaime Spitzcovsky

| |

Jaime Spitzcovsky é jornalista e palestrante. Ministra aulas em espaços como a Casa do Saber e o Mube, entre outros. É sócio do Minq (Mundo Inquieto), projeto de geração de conteúdo, colaborador da Folha de S.Paulo e integrante do Grupo de Análise de Conjuntura Internacional da USP. Foi editor internacional da Folha de S. Paulo (88-90 e 97-2000), correspondente em Moscou (90-94) e em Pequim (94-97). Realizou coberturas jornalísticas em mais de 40 países. Colaborou regularmente com Band News FM, TV Cultura, Jovem Pan AM, BBC, Diário de Notícias (Portugal), El Mercúrio (Chile).

Johnny Mazzilli

|

Johnny Mazzilli é fotógrafo profissional e colabora com artigos e fotografias para as principais revistas brasileiras tais como: Terra, Superinteressante, Viagem e Turismo, entre outras, em temas sobre cultura, viagens e gastronomia. Desde 2002, viaja para a Noruega, Escandinávia, Eslovênia, Croácia, Montenegro, Romênia e Hungria, contando também com a colaboração do Ministério do Turismo da Noruega, documentando cada local e revelando seus aspectos culturais. É um autodidata em Saga Viking e Mitologia Nórdica e pesquisador das culturas do Leste Europeu.

Leandro Karnal

| | | | | |

Professor Doutor na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), desde 1996, é graduado em História pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (RS) e Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (USP). Possui pós doutorados pela UNAM, México, e pelo CNRS de Paris. Sua formação cruza História Cultural, Antropologia e Filosofia. Atua como assessor de conteúdo da Rede Globo para novelas e produções e há 17 anos realiza atividades de consultoria em conteúdo e curadoria para exposições artísticas e históricas. Há anos ministra palestras em diversas empresas e acompanha viagens de conhecimento com grupos privados para o exterior.

Leandro Oliveira

|

Compositor, professor e pianista, é anfitrião e palestrante do projeto “Falando de Música” da Fundação Osesp - conferências que antecedem cada concerto da temporada sinfônica oficial. Conta até a presente data com algumas centenas de conferências sobre história da cultura, ópera, música clássica e jazz e segue, além de sua carreira como professor, em suas atividades como regente e compositor. Fundador do Ensemble Contemporanae, dedicado à pesquisa e execução de música de cena dos séculos XX e XXI tem obras encomendadas por instituições e companhias de dança do Rio de Janeiro e São Paulo. Recentemente, compôs e dirigiu a estréia mundial da ópera “A Musa do Subsolo – A Transfiguração de Galatéia”, sob texto de Ovídio, em fevereiro de 2016, no Theatro São Pedro, em São Paulo. Com estudos de pós graduação em Teoria da Comunicação pela ECA/USP e Musicologia pela UFRJ, é atualmente doutorando em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Mackenzie.

Lisete Florenzano

Lisete é formada em Engenharia Mecânica pela USP, com mestrado no Departamento de Materiais, na mesma Universidade. Foi professora da PUC, em Curitiba. Trabalhou no projeto de desenvolvimento de VLTs (veículo leve sobre trilhos) na empresa Bom Sinal, em planejamento e gestão de projetos. Seu interesse por culturas e filosofias acabou levando-a ao yoga, sua filosofia de vida. Praticante e instrutora, ministrou práticas em Curitiba e em Botucatu-SP. Foi proprietária do Setor 1 - Escalada Indoor. Sempre esteve ligada a esportes outdoor e viagens. Em 94 viajando pelo Peru e Bolívia, percebeu a importância do contato com culturas diferentes e ambientes de montanha. Em 97 começou a escalar em rocha, tendo visitado os principais locais do Brasil: morro do Cuscuzeiro, Pedra do Baú, Itatiaia, Serra do Cipó, Andradas, entre outros. Nessa época foi, por dois anos, instrutora de escalada em rocha e guia de ecoturismo em Analândia. Em 98 foi sozinha ao Nepal, a viagem mais marcante de sua vida. Passou três meses nesse país, fazendo trekkings, conhecendo as cidades históricas e a cultura local, além de cursos de meditação e estudos budistas no mosteiro de Kopan. Fez também importantes viagens pela Austrália e Nova Zelândia, onde passou 10 meses viajando de bicicleta e escalando em rocha, pela Argentina, Tailândia, Bali, China, Grécia, França, Espanha, USA, sempre com o intuito de integrar atividades outdoor, desenvolvimento pessoal e descoberta de novas culturas. Em 2010 entra para a equipe da Morgado Expedições como guia de trekking e escalada em montanha. Desde então já fez 5 trekkings ao Campo Base do Everest, além do Annapurna e Manaslu também no Nepal, trekking no Marrocos e Mongólia. Escalou o Monte Tubkal (4.160m), Kilimanjaro (duas expedições) e o Monte Khuiten (4.374m), tornando-se a primeira brasileira a escalar esta montanha. Participou da expedição ao Aconcagua (duas vezes) e ao Cordon del Plata, escalando vários cerros da região, ao Mont Blanc (França), Mt. Elbrus (Rússia). Participou dos cursos de Mountaineering and Leadership, Rock and Ice climb, nos USA (International Wilderness Leadership School) e curso de Escalada em Gelo e Neve na Argentina, com Milton Marques. Tem certificação internacional em Wilderness Advanced First Aid pela NOLS. Em 2013 entrou para o seleto grupo de escaladores brasileiros a culminar uma montanha com mais de 8.000m, tornando-se, assim, a quarta brasileira a escalar um dos gigantes do Himalaya, o Cho Oyu, com 8.210m.

Lourival Sant'anna

Lourival Sant’anna

Lourival Sant’anna é Jornalista, diretor-adjunto do Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial e comentarista internacional da Rádio CBN, atuou como repórter especial do jornal O Estado de S. Paulo até 2015, para o qual colabora na editoria "Internacional". Fez coberturas em 60 países, incluindo o Iraque (2003, 2010 e 2014), a Síria (2006 e 2012), a Turquia (2006, 2012 e 2015), o Irã (2006, 2009 e 2012), o Líbano (2006, 2011 e 2013), a Primavera Árabe e outros conflitos. É autor de Viagem ao Mundo dos Taleban (Geração Editorial, 2002) e O Destino do Jornal (Editora Record, 2008).

Lucia Brandão

| | | | | |

Dedica-se ao estudo e à prática das Filosofias do Oriente e, em particular, do Hinduísmo e do Budismo. Participou de seminários com o Dalai Lama em Dharamsala (Índia) e em São Paulo, e de vivências meditativas na Comunidade de Thich Nhat Hanh, na França. Ministra aulas de Prática Meditativa, Ética e Visões de Mundo, Filosofias da Índia e do Sudeste Asiático, Mitologia e Simbologia Orientais, com abordagem alinhada à filosofia do viver bem e da cultura de paz. Há anos acompanha grupos em viagens temáticas pela Índia, Nepal, Butão, Myanmar e países do Sudeste Asiático.

Luiz Felipe Pondé

| | | |

Filósofo e teólogo, professor de pós-graduação em Ciências da Religião da PUC-SP, da Faculdade de Comunicação da FAAP, professor convidado em Mística Medieval em algumas das principais universidades europeias. Mestre pela Universidade de Paris 8, Doutor pela USP, Pós-Doutor pela Universidade de Tel Aviv, colunista na Folha de S. Paulo, comentarista da TV Cultura e da Radio Bandeirantes e autor de, entre outros títulos, O Homem Insuficiente (Edusp, 2001), Crítica e profecia – a filosofia da religião em Dostoievski (Ed. 34, 2003), Do pensamento no deserto (Edusp, 2009), Contra um mundo melhor (LeYa, 2010), Guia Politicamente Incorreto da Filosofia (Leya, 2012), Era do Ressentimento (LeYa, 2014), e Guia Politicamente Incorreto do Sexo (LeYa, 2015).

Luiz Malta Louceiro

| | | | | |

Luís Malta Louceiro é mestre e doutorando em Filosofia pela PUC-SP, onde é também membro do Nemes (Núcleo de Estudos de Mística e Santidade) do Programa de Estudos Pós-graduados em Ciências da Religião. Como estudioso das filosofias da Índia desde 1982, ministra cursos na Casa do Saber sobre o tema e tem levado grupos ao país desde 2001.

Manoel Morgado

|

Médico pediatra pela Escola Paulista de Medicina (São Paulo) e apaixonado por viagens de aventura, iniciou uma jornada pelo mundo na América do Sul, depois Europa, Ásia e Oceania. Voltou-se para a Ásia e adquiriu grande experiência sobre os países e culturas do continente. Passou a acompanhar grupos de viagem, atividade que desenvolve há mais de 20 anos. É estudioso das filosofias asiáticas e tem afinidade especial pelo Budismo. Escala com frequência as montanhas mais altas da África, América do Norte, América do Sul, Oceania e Europa. Em maio de 2010 tornou-se o oitavo brasileiro a alcançar o cume do Monte Everest e, no ano seguinte, o segundo a escalar a montanha mais alta de cada continente (sete cumes). Em março de 2016 guiou o sexagésimo grupo ao campo base do Everest.

Marcelo Backes

| |

Doutor em Germanística e Romanística pela Universidade de Freiburg, na Alemanha. Escritor, professor, tradutor e crítico literário, autor de A arte do combate (Boitempo, 2003), Lazarus über sich selbst (sua tese de doutorado sobre o poeta alemão Heinrich Heine, Frankfurt, 2005), Estilhaços (Record, 2006), maisquememória (Record, 2007), um romance de viagens, Três traidores e uns outros (Record, 2010), um romance em quatro fragmentos, e O último minuto (Companhia das Letras, 2013), um romance que entre outras coisas mostra as marcas da migração russa no Brasil. Suas obras – ensaios, poesias ou livros – estão sendo publicadas em vários países da Europa. Bolsista da Academia de Artes de Berlim em 2010, já conferenciou na Universidade de Viena e traduziu as principais obras de Kafka ao português, em edições comentadas.

Marcia Arcuri

| | |

Historiadora, mestre em Artes pela University of Essex, Inglaterra e doutora em arqueologia pela USP. É professora credenciada do Museu de Arqueologia e Etnologia da USP e leciona na Casa do Saber. Foi curadora da exposição Por Ti América e assessorou cientificamente as exposições: Tesouros de Sipán – Esplendor da Cultura Mochica e Ouros de ‘Eldorado’: Arte Pré-Hispânica da Colômbia, ambas na Pinacoteca do Estado de São Paulo. Com vasta trajetória internacional, atualmente trabalha em parceria com pesquisadores e gestores de museus peruanos.

Marcia De Luca

| | |

Márcia De Luca é estudiosa de Yoga, Meditação e Ayurveda há mais de 35 anos. Formou-se pelo The Chopra Center for Well Being e aprofundou seus conhecimentos nessas áreas com Dr. David Frawley e vários mestres indianos. Ministra palestras em empresas, faz consultoria, oferece atendimento individualizado e celebra rituais de passagem como casamentos. É colunista das revistas Claudia e Revista de Bordo da Gol. Como escritora,  publicou as obras A Idade do Poder – Transformação, saúde e beleza para a mulher (Ed. Tornado, 2003), Ayurveda – Cultura de Bem Viver (Ed. Cultura, 2007) e Filosofia de bem viver (Cia. Das Letras, 2015).

Marco Schultz

| | |

Coordena o Simplesmente Yoga/Eu Maior, programa de estudo e aprofundamento dedicado ao autoconhecimento. Conduz grupos em jornadas de peregrinação pelo mundo há vinte anos. Viaja extensivamente ministrando cursos, retiros e satsangs, encontros caracterizados por momentos de meditação, canto de mantras e ensinamentos de temática espiritual. Viveu por vários anos no exterior, estudando diferentes áreas relacionadas ao desenvolvimento humano integral. Marco é co-produtor do aclamado documentário brasileiro Eu Maior, assim como dos CDs e DVD "Simplesmente Satsang". Para conhecer seu trabalho: www.simplesmenteyoga.com.br  e www.eumaior.com.br

Maria Sônia Pinho

|

Graduada em Licenciatura Plena em Educação Artística com especialização em Artes Plásticas e pós graduada em Gestão de Patrimônio Histórico e Cultural pela UFMG (2010). Trabalha com Pesquisas, Estudos, Registros Patrimoniais e Diagnósticos técnicos, entre outras atividades complementares dirigidas circunstancialmente ao setor cultural, com destaque para Manifestações Culturais, Educação Patrimonial e Patrimônio Imaterial. Atua como Consultora em diversos segmentos e instituições como: Sebrae-RJ, Sebrae-MG, Senac-RJ, Comunidade Solidária, Ministério do Turismo, Fundação CSN, FEOP-UFOP, FAOP, Secretaria de Cultura do Governo de Minas Gerais, IEPHA e Prefeitura Municipal de Ouro Preto, entre outros. É membro do Conselho do Museu de Arte Popular CEMIG, de Belo Horizonte (MG) e membro do Conselho do Museu Casa de Guignard, em Ouro Preto (MG).

Marlei Caroli

Há 25 anos dedica-se ao estudo, prática e ensino de Yoga. Formada Instrutora no curso de pós-graduação da FMU - SP e Kaivalyadhama Yoga Institute - Lonavla. Desde 2003 viaja pela Índia e outros países do Oriente e atualmente dedica-se ao estudo de Filosofias Comparadas.

Mauricio Polato

Técnico em Turismo e Mestre em Educação pela PUC-SP, e atua como guia de turismo especializado na cidade de São Paulo desde 1999. Em 2004, no aniversário dos 450 anos da cidade, desenvolveu uma série de roteiros a pé pela cidade, voltados para o público local. Em seus roteiros, apresenta a história de São Paulo de uma forma lógica e linear, facilitando a compreensão e assimilação.

Michiko Okano

| |

Nasceu no Japão, reside no Brasil desde os oito anos de idade. Especializou-se em cultura japonesa tanto na área profissional, como assessora cultural sênior da Fundação Japão durante quinze anos, bem como no campo acadêmico, com dissertação de mestrado e tese de doutorado sobre o assunto na PUC- SP. Foi professora de língua japonesa na Aliança Cultural Brasil Japão por dez anos, ministrou aulas na Universidade de São Paulo, na Faculdade Messiânica e na Casa do Saber sobre a cultura nipônica e atualmente é professora adjunta de História da Arte da Ásia na Universidade Federal de São Paulo e coordenadora do Grupo de Estudos Arte Ásia.

Mikael Gorostiaga

|

Formado no Instituto Nacional de Língua e Civilizações Orientais em Paris, com especialização em cultura chinesa: filosofia oriental, história dinástica e moderna. Viveu seis anos na China estudando caligrafia, Taijiquan e Teoria fundamental da Medicina Tradicional e ganhando grande familiaridade com as minorias étnicas, principalmente na região do Yunnan. É professor de Qi Gong e de práticas de ginástica e alquimia energética. Com larga experiência em turismo, atua como guia, intérprete e criador de viagens personalizadas nas províncias do sudoeste chinês, entre o Tibete e o Vietnã. Domina o português, o inglês, o espanhol, o mandarim e o francês, sua língua nativa.

Pedro Kupfer

|

Pedro Kupfer nasceu no Uruguai em 1966. Descobriu o Yoga aos 16 anos de idade e pratica desde então. Escreveu e traduziu vários livros sobre Yoga, além de ser editor das revistas Yoga Journal, Cadernos de Yoga e do site www.yoga.pro.br. Desde a década de 1980 viaja regularmente pela Índia e outros países do Oriente. Atualmente, mora em Portugal. Quando não está viajando, ensinando ou praticando, gosta de cantar, surfar e cozinhar.

Plinio Freire Gomes

| |

Historiador e Mestre pela USP, tradutor e conferencista. Publicou vários artigos acadêmicos, além do livro Um herege vai ao paraíso (Companhia das Letras, 1997). Viveu em Itália por dez anos e transferiu-se em seguida para Damasco (Síria), onde se dedicou ao estudo do Islã e da cultura árabe. Atualmente desenvolve projetos ligados à arte islâmica e à história das relações entre o Ocidente e o Oriente, além de ministrar cursos em instituições como o Museu de Arte de São Paulo (MASP), Museu de Arte Moderna (MAM), Museu de Arte Sacra (MAS), Centro Cultural Universitário Maria Antônia (USP) e Casa do Saber.

Renato Brolezzi

| |

Graduado em Ciências Sociais (UNICAMP) e especializado em História da Arte pela UNICAMP em parceria com a Universidade Ca’Foscari, de Veneza, atuou como pesquisador em no Projeto Cicognara - Estudo das Tradições Clássicas na História da Arte, financiado pela FAPESP e realizado pelo Departamento de História da UNICAMP, Área de História da Arte, de 2001 a 2008. No Museu de Arte de São Paulo (MASP), foi professor de História da Arte e da Cultura e coordenador assistente do Serviço Educativo, responsável pelos programas de formação em História da Arte para professores da redes pública e privada. Já ministrou aulas em diversas Instituições de ensino, entre elas Instituto Moreira Salles, Itaú Cultural, FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), em São Paulo. Desde 2006 é professor de História da Arte da FACAMP (Faculdades de Campinas).

Ricardo Koike

|

Instrutor de yoga e massagista ayurvédico desde 2005. Com sua empresa, leva massagem e yoga para condomínios e empresas em São Paulo e região. É professor de yoga da academia Bio Ritmo desde 2008. Pós-graduado em Yoga pela UNI FMU, onde fez sua formação com o Prof. Marcos Rojo –USP. Cursou Anatomia Aplicada à Yoga pela UNIFESP – SP, dentre outros cursos livres. Já viajou duas vezes há à Índia para aprofundar seus estudos em yoga e Ayurveda. Aproveitou essas oportunidades e também para passar um tempo em se dedicar a um retiro espiritual no ashram de sua Guru Amma. Pratica meditação e mantras desde que foi iniciado na nessas técnicas na Califórnia em 2005, no ashram de San Ramon. Deixou o mercado de investimentos e o mundo corporativo, depois de 10 anos, para se dedicar ao caminho da yoga e massagem. Administrador de empresa formado pela FEI-SP.

Rohit Mittar

Trabalha como guia há mais de 15 anos com mais de 350 grupos guiados em diferentes partes do mundo. Fluente em Português, Inglês, Espanhol, Hindi e Punjabi. Membro do Rotary Club desde 2002 e foi agraciado com o prêmio Paul Harries Fellowship in 2003. Entre 1999 e 2000 esteve no Brasil convidado pela Universidade da Bahia para ministrar uma palestra sobre a cultura indiana, palestra essa feita juntamente com o Sr. Arun Gandhi, filho de Mahatma Ghandi. Acompanhou a equipe da Rede Globo durante as filmagens da novela "Caminhos da Índia".

Tales Nunes

| |

Tales Nunes é professor de Yoga desde 1999. É sociólogo e mestre em Antropologia, com dissertação escrita sobre Yoga. Atualmente ministra cursos e seminários de Yoga pelo Brasil e um curso de Formação em Yoga em Florianópolis. É escritor e sócio fundador da Editora Ganapati. Desde 2008 edita os Cadernos de Yoga, revista especializada em Yoga, Vedanta e Ayurveda. Estuda regularmente Vedanta com a Prof. Gloria Arieira. Publica seus artigos no site www.vidadeyoga.com.br.

Vicente Morrison

| |

É fundador do espaço Nilakantha em São Paulo (www.nilakantha.com.br). Ministra aulas de Yoga, Sânscrito e Canto de Mantras. Costuma viajar para a Índia anualmente para se aprofundar no estudo de Vedānta. Tem Swami Dayananda, Gloria Arieira e Pedro Kupfer como seus inspiradores na prática e no estudo.